A Universidade do Minho lidera um projeto europeu para promover a valorização de resíduos orgânicos, através da produção de um composto rico em substâncias húmicas que se formam a partir da decomposição química e biológica destes resíduos. Pretende-se diminuir a quantidade de resíduos em aterro na região transfronteiriça do Norte de Portugal e da Galiza, apostando na compostagem como instrumento de gestão. O projeto “Valorização de Resíduos Orgânicos: Produção de Substâncias Húmicas” (Res2ValHum) foi um dos projetos aprovados no Programa Interreg V-A Espanha – Portugal sendo financiado pela união europeia com um montante superior a 2,1 milhões de euros.
Os resíduos orgânicos produzidos na região serão caracterizados e o composto obtido será otimizado no que diz respeito ao seu teor em substâncias húmicas. O perfil químico e a atividade biológica do composto serão avaliados. Este tipo de resíduos distingue-se por ser “rico em ácidos húmicos”, o que aumenta a sua capacidade de retenção de água e sua ação fertilizante, podendo ainda ser reaproveitado para o tratamento de solos agrícolas, e na conceção de produtos cosméticos e nutracêuticos (suplemento nutricional com valor terapêutico).
“Esta nova aposta abre portas para o surgimento de novas áreas de negócio e emprego relacionadas com a conceção de artigos de elevado valor acrescentado e contribuindo para o desenvolvimento da economia verde neste espaço de cooperação”, explica Fernanda Proença, investigadora do Centro de Química da UMinho responsável pelo projeto. Pretende-se também aumentar a quantidade e qualidade do composto produzido, não só pelas instituições parceiras do projeto, mas também por outras entidades desta região.
Aprovado no âmbito do programa de cooperação Espanha-Portugal, este projeto decorre até 2020 e conta com a parceria do Centro para a Valorização de Resíduos, da Lipor – Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto, da Braval – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos e, do lado espanhol, da Sociedade Galega do Meio Ambiente, da Universidade de Santiago de Compostela e do Centro de Valorización Ambiental del Norte.

Contactos:
Prof. Fernanda Proença – 253604379, fproenca@quimica.uminho.pt
Prof. Dulce Geraldo – 253604053, gdulce@quimica.uminho.pt

 

             

         

 

 

    

 

2017 – Res2ValHUM – Valorização de Resíduos Orgânicos: Produção de Substâncias Húmicas
design & site: TECField